Ao toque do amor de Deus, você recebe vida e vida em abundância.

quinta-feira, 1 de abril de 2021

Meus Toques - O toque da vida:Kai

 





1º Sorriso - 29 de março
Emocionada ao ver teu sorrisinho lindo e inocente


















Meu lindo nenekinho!
Que todas as alegrias sejam multiplicadas  
e que seu futuro seja abençoado





quarta-feira, 31 de março de 2021

Meus Toques - Meu netinho Kenny



 Hoje, o dia especial é dele, meu netinho felino.

Filho da Laurinha, nasceu aos 31 de março de 2015 em casa

e está completando seus  6 aninhos de vida.


É um meninão ! é um gato bem grande

É esperto, decidido e gulosinho

Adora ser acariciado e de ser escovado também

e se mete na frente dos outros , 

querendo ser o centro do universo,

só pra  receber  mais um cafunézinho

Não gosta de ficar  muito tempo sozinho 

então, abre o bocão.  pra chamar minha atenção.







Meu bichinho lindo .

Todos os miaus e vivas cheios de carinho pra você.




quarta-feira, 24 de março de 2021

Meus Toques - O Toque da vida: Kai





Você é um pedacinho do grande amor de Deus




Este, é o primeiro dia de muitos dias abençoados e felizes de sua vida.







Que o Senhor seja sempre tua proteção, tua força e sua luz 
meu pequeno anjinho


Dia 25 de março 
e estamos em festa todo dia
e cada momento  é único e mágico.



Que o Senhor abençoe com graça e bondade
nosso pacotinho de amor


Dia 26 de março
É uma imensa alegria compartilhar o seu  crescimento
Que o Senhor abençoe sempre , esta
preciosidade que Ele nos deu






quarta-feira, 3 de março de 2021

Meus Toques - Meu frajolinha se foi


 O meu frajolinha Tommy, 

agora está  descansando em paz lá no céu dos gatinhos.

Vou falar, de um  gatinho que toda pessoa gostaria de ter. 

Um meninão de nariz branquinho, tranquilo, dorminhoco, tímido, doce, carente, obediente, carinhoso e muito amoroso que gostava de ficar do  lado pra receber carinhos e até dava gemidinhos pra isso. Chamava a atenção com aqueles olhos grandes cor de mel e dava  batidinhas  com a pata no braço do meu filho  e também  dava mordiscadinhas pra continuar recebendo carinhos e isso foi uma relação conquistada diariamente.

Mas nossos corações ficaram partidos deste que tivemos que deixa-lo  sozinho na clinica veterinária  porque  desde que o tirei da rua nunca nos separamos.

Mas, o inevitável aconteceu e perdemos o Tommy devido a uma insuficiência respiratória e ele não resistiu a punção pra retirada de agua nos pulmões.

Agora, estou aqui e... sentindo tanta falta do meu frajolinha e sem saber o que escrever...


São momentos que jamais iremos esquecer.

E assim..compartilhamos as nossas vidas por mais de 6 anos.

Vamos! sentir muito, muito a sua falta.